Um Plano Integrado de Negócios ou Business Plan é um documento que contém a qualificação e as características do negócio de uma organização, seu modo de operar, o desdobramento de suas estratégias, seus planos de ação para conquistar uma fatia de mercado, formas de financiamento para seus investimentos e as projeções de despesas, de receitas e de resultados financeiros. Seu objetivo é orientar os gestores da empresa a criarem valor significativo para os clientes e atenderem às necessidades relevantes pelas quais eles estão dispostos a pagar; além de oferecer um potencial de lucro significativo aos investidores, atendendo às expectativas de custo-benefício da empresa. Este documento deve conter os seguintes capítulos, respondendo às subsequentes questões:

1. O Empreendimento: Descrição sucinta do negócio, sua localização e abrangência;

2. Descrição do Negócio: Qual o negócio a ser estabelecido, quais os produtos ou serviços a serem oferecidos, qual o mercado alvo e o tamanho do mercado, qual a forma de oferecer os produtos ao mercado, quais os fatores críticos de sucesso do empreendimento, quais as possibilidades de crescimento do mercado em questão, quais os pontos positivos e negativos do negócio;

3. O Mercado: Qual é o grande mercado e qual o segmento de melhor situação para competir, qual o tamanho do segmento e suas possibilidades de crescimento, qual é a distribuição geográfica do mercado, quais são as flutuações sazonais de demandas, qual o valor estimado e qual a localização do negócio, destacar pontos positivos e negativos deste mercado;

4. A Concorrência: Quais são os concorrentes diretos do empreendimento, que outros negócios ou produtos substitutos concorrerão com o produto, qual é o tamanho dos concorrentes, que análise pode ser feita da concorrência, qual a estratégia de preços da empresa, qual é a estratégia de distribuição, qual é a estratégia de assistência técnica para os produtos ou serviços da empresa, qual é o conceito de qualidade do produto, quais os métodos de venda a serem aplicados, quais são os meios disponíveis para a propagação e promoção dos produtos ou serviços;

5. Descrição do Produto do Empreendimento: Qual a tecnologia empregada no produto, qual é o estágio atual de desenvolvimento do produto, qual é a função e que aplicações possui o produto, que soluções inovadoras podem ser utilizadas para o atendimento ao mercado, quais são as regulamentações e normas técnicas que regem o produto, que análises podem ser feitas sobre a relação entre o produto e o meio ambiente;

6. Preço: Qual é a competitividade dos preços, qual é a estratégia de preços a ser utilizada – neste caso estudar os preços existentes no mercado interno e aqueles dos similares importados, que margens são apropriadas para se trabalhar;

7. Fornecedores: Qual é a localização dos fornecedores, que insumos são importados, como obter os insumos necessários ao produto, quais são os prazos de entrega dos insumos e quais as quantidades mínimas necessárias ao produto;

8. Processo Produtivo: Qual é o fluxo do processo produtivo – apresentar um exemplo do “core” do processo, qual é o número de funcionários previstos, como serão as instalações do negócio;

9. Plano de Marketing / Comercial: Quais são os clientes potenciais e sua localização, qual é a melhor forma de atrair os clientes, quais serão os canais de vendas dos produtos, como serão feitas as promoções e as vendas, quem são os melhores fornecedores de insumos, de quanto deverá ser o investimento em publicidade, como será operacionalizado o sistema de distribuição dos produtos e a assistência técnica deles, quem são os formadores de opinião sobre o produto, qual é a potencialidade e estimativa de vendas de cada produto;

10. Custos: Deverão ser geradas estimativas de custo dos insumos diretamente envolvidos na produção do bem – custos fixos e custos totais, bem como o grau confiabilidade das previsões dos custos críticos do empreendimento;

11. Investimentos: Qual é a infraestrutura necessária a adquirir para o funcionamento do negócio;

12. Aspectos Organizacionais: Quais são as habilidades e conhecimentos de cada sócio, de cada diretor, e dos empregados da empresa; que estruturas organizacionais suportarão o empreendimento;

13. Plano Financeiro: Qual é o volume de vendas necessário à obtenção de lucros, quais são as fontes financeiras da empresa, qual é a participação societária da organização, apresentar uma tabela de fluxo de caixa para os 10 primeiros trimestres (em Reais) e o VPL do empreendimento;

14. Parceiros: Quais são as possibilidades de implementação de parcerias para o empreendimento;

15. Empreendedores: Quais são as motivações para a criação deste empreendimento, qual é a experiência dos empreendedores, quais são as principais barreiras e ameaças para o empreendimento;

16. Fases do Empreendimento: Qual é o tempo necessário para o desenvolvimento de cada fase do empreendimento: Implementação, crescimento e consolidação.

Para saber mais sobre o tema visite o site da Quântica Treinamento Empresarial em http://www.quanticaconsultoria.com

Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s