Educação continuada é qualquer tipo de aprendizagem pós-ensino, com o objetivo de obter as qualificações demandadas pelo mercado de trabalho. Ela é importante para que profissionais mantenham sua empregabilidade e para que empresas potencializem sua competitividade. Mas não há uma receita para educação continuada: Uns dizem que a frequência em workshops, palestras, seminários e conferências garantem a educação continuada; outros afirmam que a realização periódica de cursos online do ensino à distância e cursos de curto prazo asseguram a educação contínua; há ainda aqueles que acreditam que o desenvolvimento pessoal e à busca por leituras e outras formas autodidatas de receber conhecimento é que proporciona este tipo perene de educação. Mas qual é a forma mais interessante de proporcionar uma educação continuada?

Para responder tal questão é preciso primeiro responder: O que requer uma educação continuada?

1. Contato constante com a disciplina: À exemplo do que acontece nas empresas com os DataMarts de TI, que são bases de dados temáticas para constante acesso dos que lidam com tipos específicos de dados, é de grande interesse da educação continuada que existam sites, portais ou blogs na INTERNET especializados em vários tipos de assuntos, atualizados periodicamente, proporcionando um contato do interessado com um determinado tema e sua evolução;

2. Rápido acesso ao conhecimento sobre o tema: Uma boa prática para instrutores e professores, especialmente os de cursos de curta duração, é disponibilizar na INTERNET uma forma de constante contato do aluno, onde este possa solicitar indicações de materiais e leituras sobre determinado subtema ou desdobramento do que foi estudado nas aulas regulares do treinamento, atingindo assim toda uma turma de alunos com as mesmas necessidades: Um blog, uma página num site, um pedaço de uma nuvem (serviço de armazenamento de arquivos) ou um e-mail específico com pastas previamente categorizadas, produz o efeito de educação continuada;

3. Utilização do assunto no dia-a-dia do indivíduo: Propostas de ações que auxiliem o interessado a utilizar o conhecimento adquirido em um curso ou treinamento no seu dia-a-dia, seja profissional ou pessoal, podem ser geradas através de FAQ (Frequently Asked Questions, que significa Perguntas Mais Frequentes) numa página ou num blog na Web; ou ainda através da disponibilização, também na Grande Rede, de cases de empresas ou de pessoas que colocaram conceitos ou métodos em prática, mantendo assim acesa a vontade de um contato constante com o assunto estudado;

4. Constantes melhoramentos no tema estudado: As competências num tema mudam muitas vezes, não por causa da desatualização dos conceitos do tema (Conhecimentos), mas sim devido às novas experiências com a prática deles (Habilidades) e/ou devido à forma de conduzir a aplicação do assunto (Atitude). Para manter os interessados em constante contato com as inovações que ocorrem nos processos ou na forma de gestão que envolve determinado tópico, seria relevante coletar notícias pertinentes ao assunto em periódicos ou RSS (Really Simple Syndication, que são inscrições em sites que mudam ou atualizam o seu conteúdo regularmente, para receber as atualizações destes sites, por e-mail, por exemplo, sem precisar visitá-los um a um);

5. Material para leitura disponível em gotas: É importante para a educação continuada que o material disponibilizado na grande rede, ou em periódicos ou ainda em livros, seja conciso, mas de alto teor em conteúdo, como um remédio em gotas que alivia os sintomas de carência do indivíduo para que este possa ter tempo de pesquisar a causa fundamental daquele sintoma. Uma bibliografia deve acompanhar estes breves textos para que o interessado possa aprofundar-se na matéria.

Portanto, uma educação continuada de cursos de curta duração, de educação à distância ou de longas leituras especializadas sobre determinado tema é uma resposta pobre para obter os efeitos de uma real educação continuada. Os cinco movimentos propostos acima são complementos vencedores para a obtenção de um efeito mais duradouro na geração e atualização de competências.

Para saber mais sobre o tema visite o site da Quântica Treinamento Empresarial em http://www.quanticaconsultoria.com

Um comentário em “Sugestões para uma Educação Continuada

Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s